quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Texturas

fotos luliX pandaglia - Araras - dezembro 2009

3 comentários:

Virgínia Heine disse...

O detalhe que só um olhar sensível não pode deixar de ver. Do sensível evade a lente que cria a arte do mundo sensível.
Seu olhar traduzido pela lente que capta o mundo é lindo. E faz do mundo lindo mais lindo.

Agradeci a minha Mestre do blog depois desse seu último comentário, no meu blog de aprendiz. Viu que eu não paro de mexer e inventar? Tudo graças a você, minha Mestre do blog.
Beijos

luliX pandaglia disse...

Valeu Virgínia querida!!!
A gente é que aprende a ser mestre de si mesmo...
Bjs,

Maria Lucia disse...

bonito...espiritual...
a primeira foto e pura paz.
as 7 fotos de linhas estao completamente zen!
a foto da formiga e a joaninha esta boa para ir para a ONU.
a primeira emocao que me veio quando vi a foto das flores em seus varios estagios do desabrochar foi esperanca, hope, e a segunda foi a perfeicao da vida nos seus varios estagios.
as fotos das asas da borboleta fecham esse poema com uma sensacao de bom augurio, de esperanca realisada e de sonhos desabrochados e a possibilidade em fim de voar.
Beijo no seu coracao'
Maria Lucia