sábado, 27 de setembro de 2008

Esse foi o primeiro filminho Baga Cine. Tudo o que vc assistir nesse vídeo poema é pura ficção, delírio de amor. Ode ao Amor ou Um Amor Platônico.

Obra poética multimídia sem fins lucrativos, apenas afetivos, expressivos e nada mais...

2 comentários:

Nelson Goldenstein disse...

Independente dos caminhos deste amor, que produção poéticaestética!!! Alta sensibilidade e criatividade! Lindo! Adorei! Parabéns!

luliX pandaglia disse...

A sua sensibilidade me comove. Valeu por tudo!Bjs, luliX