sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Das páginas policiais de Dudu Caribé

Não percam a interpretação hiper-realista

de Roberto, o poeta atormentado.

video

Um comentário:

adriana monteiro de barros disse...

fALA lULI,
QUER DIZER, FILMA...
OBRIGADAAAAA PELO COMENTÁRIO SOBRE UMA CERTA PSIQU~E COM CACTOS. GOSTEI TB DESSE CORUJÃO OFF. SABIA QUE SOU CORUJETE DE MOCINHA....É LÁ PELOS MEUS TRÊS ANOS, NOSSA JÁ CRESCI UM POUQUINHO. CONHEÇO PARTE DESSA GALERA DO FILME, LEILA E O TALENTOSO JOEL! AGORA VC. ADOREI!
BJS
AMB